Como manter uma alimentação saudável tendo um ritmo agitado

Quando se fala em alimentação saudável, várias são as desculpas para não tê-la na rotina. Um estudo revelou, inclusive, que o custo elevado dos alimentos, seguido da força de vontade insuficiente e da falta de tempo têm sido os maiores obstáculos dos brasileiros em se alimentar adequadamente.Se você também usa alguma dessas desculpas para não cuidar da alimentação, não deixe de ler este artigo até o final. Nele, você vai aprender que conciliar uma rotina agitada com uma dieta equilibrada é totalmente possível. Ainda, vai aprender a fazer isso de forma totalmente responsável e econômica. Acompanhe!



Abandone os industrializados e prepare a sua própria comida


Essa, sem dúvida, é a primeira dica para unir alimentação saudável e o corre-corre do dia a dia. Preparar seu próprio alimento vai fazer com que você compreenda como cada ingrediente age no seu organismo, seja para bem ou para mal.Dessa forma, poderá entender de uma vez por todas o perigo dos industrializados e substituí-los gradativamente por refeições mais saborosas e nutritivas. Além de economizar muito, ainda vai reeducar o paladar efetivamente. Assim, vai evitar uma série de doenças e também terá mais disposição para enfrentar os desafios do dia a dia.Caso não tenha muitas habilidades culinárias, poderá aprender o passo a passo de inúmeras receitas por meio de aulas online. Ministradas por profissionais especializados, elas te ensinam a criar cardápios variados para diferentes dietas com ingredientes naturais. Depois de ter aprendido a preparar a sua própria refeição, o próximo passo é aprender como organizá-la em quentinhas e as melhores práticas de congelamento para levá-la consigo para onde for. Assim, seja no trabalho, na escola ou faculdade, poderá cuidar da saúde comendo melhor.


Aprenda a fazer lanches e snacks saudáveis


Seguindo a mesma lógica de levar o seu próprio alimento para onde for, que tal aprender a fazer lanches saudáveis para comer no intervalo do trabalho sem culpa? Fazendo isso, você vai manter o seu metabolismo sempre ativo e o seu corpo em forma.Mas como fazer isso afinal? Nesse caso, o melhor caminho é investir no curso Lanches e snacks saudáveis para vender e para o dia a dia, da especialista em alimentação Luiza Savietto. Durante as aulas, Savietto ensina mais de 40 receitas de gostosuras incríveis, como bolos, cookies integrais, hambúrguer vegetariano, cracker de trigo, pão sem glúten e várias outras.E como se já não bastassem todos esses benefícios, a especialista te ensina ainda dicas de conservação e embalagem de alimentos. Assim, poderá comercializar seus snacks com toda a segurança e ajudar outras pessoas a ter uma alimentação saudável mesmo com uma rotina agitada.


Tenha a sua própria horta caseira agroecológica


E já que estamos falando em conciliar alimentação saudável com a correria do dia a dia, que tal otimizar o tempo gasto no mercado? Cultivar o seu próprio alimento é a melhor maneira de economizar tempo e dinheiro, além de garantir ingredientes sempre frescos em todas as suas refeições.É claro que isso requer um certo conhecimento, principalmente no que diz respeito aos ciclos naturais do plantio, técnicas de adubagem entre vários outros fatores. Mas graças às aulas online esse aprendizado fica muito mais cômodo e fácil. Afinal de contas, você aprenderá a cultivar sua própria comida no conforto do seu lar. E o que é melhor: sem o uso de produtos químicos.E caso more em apartamento, poderá desfrutar desse aprendizado, pois o curso de Hortas caseiras agroecológicas ensina como montar diferentes tipos de hortas para diferentes espaços. Além disso, mostra como fazer compostagem, como reaproveitar vários materiais, como fazer o substrato para plantio e as melhores técnicas de irrigação, adubação e colheita.


Não se esqueça da alimentação das crianças!


E tenha em mente que conciliar uma alimentação saudável com rotina agitada inclui também a alimentação dos pequenos. Até mesmo porque quanto mais cedo forem apresentados aos industrializados, maior o risco de desenvolverem doenças relacionadas à má alimentação, como obesidade, hipertensão, diabetes tipo 2, entre outras.Para evitar que eles sejam “seduzidos” pelos biscoitos recheados, salgadinhos de milho, refrigerantes e várias outras opções de lanches ricos em conservantes e corantes, que tal aprender a variar o cardápio com lanches saborosos, saudáveis e nutritivos? Ao contrário do que se imagina, agradar o paladar de uma criança não é tão difícil assim. Com os ingredientes certos é possível criar várias receitas caseiras práticas e saborosas, que fazem a alegria dos pequenos. Biscoito de polvilho, cookies de cacau integral, nuggets caseiro e omelete assado são apenas algumas delas.